jusbrasil.com.br
21 de Setembro de 2019

Você está perdendo tempo

Afinal, ningém vai ser punido.

Bruno Borsatto, Estudante de Direito
Publicado por Bruno Borsatto
há 4 anos

No livro Mani Pulite, ou Mãos Limpas, sobre a "lava jato italiana" os Três autores, Gianni Barbacetto, Peter Gomez e Marco Travaglio iniciam com uma citação do clássico Declinio e queda do império Romano. "A atuação da lei era venal e arbitrária. Um criminoso abastado podia não só obter o anulamento de uma justa sentença, mas ainda infligir aos acusadores, testemunhas e ao juiz, a punição que mais lhe aprouver" (Edward Gibbon, "declinio e caduta dellimpero romano", 1º edição 1776 - 1788) E acho que a citação cabe aqui, no nosso tempo, nesse ano, nessa semana.

Estamos todos cansados da política, afinal, desde 1808 estão só prejudicando o país. Desde outubro passado, para sermos mais atuais e não culpar o morto, estamos se batendo contra o aual governo. Dilma pisa em ovos sobre um chão de vidro. O Brasil vive uma esquizofrenia institucional, partidos de mentirinha roubando dinheiro de verdade; não que alguém se impressione, claro, nunca vivi num país sério, não tenho idéia do que pensar da nossa situação atual.

Hoje saiu na imprensa que Dilma está vendendo o conselho de ética em troco do Cunha barra o Impeachment:

Ou seja, o governo se mantem no poder por um acordo entre duas pessoas. Uma criminosa e um ladrão. Ela cometeu fraude, ele, roubou dinheiro. Uma picareta e um batedor de carteiras. Não é exagero, revanchismo, 3º turno, são fatos, estão nos processos da justiça, é domíno público. Essa venda do governo só aconteceu por uma manobra do Ministro Teori e da ministra Rosaque sendo do judiciário, interviram na câmara dos deputados. Os defensores da constituição a estão rasgando. Se você olhar o Artigo 51 inciso III vai perceber que os ministros agem de má fé. É como deixar um lobo cuidadando das ovelhas.

Tudo isso não é em nome de uma ideologia, não é em nome do partido, só a Dilma e só o Dirceu acreditam realmente na ideologia e no partido, respectivamente. O que todo mundo quer é Dinheiro. Querem a vida fácil da política, as fazendas, fábricas, luxo, privilégios, altos salários. Para isso, tentam manter o Status Quo. O mansalão, petrolão e afins não eram nada mais que tirar dinheiro do estado para comprar votos no congresso. Nada mais. Agora, compram a justiça no mesmo esquema.

Porque se importar? Porque esse mesmo estado de mentirinha, que rouba a todos, todos os dias, vai pautar a minha vida jurídica. Todo caso defendido vai ser uma farsa, um truste de brincadeiras. As cartas serão sempre marcadas. Porque ser correto então? Pra que defender causas justas? Porque servir gente honesta? Sinceramente, eu não sei. A certeza que nenhuma fraude vai botar ningém na cadeia é também a certeza que nunca ganherei honestamente uma causa de crime de colarinho Branco. Se for algém rico pode matar na frente da polícia que vai sair antes do final do turno do policial.

A certeza que a punição não virá se confirma cada vez mais. Aldo Rebelo matava gente na guerrilha, agora, comanda o ministério da defesa. Dilma assaltava bancos, agora, indica o presidente do banco central. O Lula, que era informante na ditadura, tenta acabar com os informantes da lava jato. Vão todos sair Vão todos se safar impunemente, vão todos os estudantes de Direito perder sua função e viver a ilusão da justiça, a ilusão do trabalho, a ilusão de uma dia te deixarem ganhar algo. Você que é estudante, pense, é isso mesmo que quer?

Não é o que eu quero. O que vou fazer? Acho que me formar, aplicar pela dupla cidadania italiana, tentar um mestrado, doutorado, uma nova faculdade la fora talvez. Chego a conclusão que o Brasil não sério. Não vale a pena lutar por ele, não vale a pena ter otimismo, não vale a pena. Aqui sõ tem duas saídas. Pinhais ali em Curitiba ou Guarulhos ali em São Paulo. Abandoem o Barco gente, não vale a pena viver no Brasil.

0 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)